Abobrinhas Prontas

Abobrinhas Prontas

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Entre Deuses e Madonnas

Boa Noite!

Post atrasado quantos meses? Não, melhor nem saber, o que os olhos não vêem, a consciência não pesa.
Voltei para comentar a exposição lynda que está ocorrendo no MASP : Deuses e Madonnas - A arte do sagrado. Para você que não é ligado em artes, é uma ótima chance de conferir as imagens daquele seu livro de história ou literatura do colégio pessoalmente. Para você que curte (y) as artes, aproveite pra conferir os quadros bizantinos, o estilo barroco, o renascentista... e as outras exposições no prédio.
pS: Se estiver com crianças, não as leve à exposição de Polke. Mesmo.

Durante a exposição, não julguem minha bobeira, passaram tantas piadas sobre Madonna e Jesus Luz na minha cabeça que estraguei minha cara de intelectual. Falando em Madonna, li uma biografia dela e descobri que ela tem um lado barroco. Por isso as variações entre ela idolatrar uma mulher que se fazia de frágil: Marylin Monroe e tentar se masculinizar (Express Yourself) para parecer mais forte. Além da dúvida dela entre o sagrado e o pecado, o que é engraçado, porque a mídia sempre mostra o lado pecador dela. Claro.
Sexo vende, e muito. Ainda mais quando a imagem disso é uma mulher rebolando. É aí que eu me pergunto: Se aqui, no Ocidente, nós mulheres somos livres, porquê o que continua sendo valorizado é a bunda? Nós não somos livres pra estudar, trabalhar e dirigir, e ainda assim, somos vistas por aí tentando mudar o que somos para fazer parte de um padrão?

Eu acho que o conceito de liberdade foi invertido, porque sim, eu quero ter o direito de usar a roupa que eu quiser sem me preocupar com um cara folgado encostando em mim no metrô, mas não quero que as pessoas me julguem pelo que visto. O problema é confundirem ações de liberdade com libertinagem.
Enquanto esse quadro não muda, no lado "livre" do mundo, vamos continuar vendo mulheres se aproveitarem do machismo para conseguir o que quiserem e homens grosseiros achando que são os donos dessas tolas.

Sim, eu posto aqui quando quero desabafar, #prontofalei.

Beijos e boa exposição!
Tamyrez.

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Look at my new shoes!

Look at my new shoes!

Casadei platform pumps
$650 - amazon.com

Bracelet
¥9,975 - hfm.co.jp

Vintage jewelry
$1,575 - langantiques.com

Alexis Bittar pin brooch
$595 - alexisbittar.com

Swarovski costume jewelry
£400 - butlerandwilson.co.uk

Swarovski crystal flower necklace
£350 - butlerandwilson.co.uk

1928 beaded jewelry
£31 - johnlewis.com

Tahitian pearl jewelry
£6 - joythestore.com

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Erros musicais

Boa Noite Galerê!

Hoje vamos falar sobre um erro que eu, você e até a Vanusa cometemos: Trocar a letra da música.

Ás vezes fica tão engraçado que eu prefiro a versão errada. 
Por exemplo, quem não conhece "O Rodo Cotidiano" do Rappa?
A original é essa: 

"Sou mais um no Brasil da Central
Da minhoca de metal que corta as ruas
Da minhoca de metal
É... como um concorde apressado cheio de força"

Mas na voz do meu irmão ficou assim:
"Sou mais um no Brasil da Central

TAPIOCA DE METAL
Que entorta as ruas
TAPIOCA DE METAL"

Lindo, não?
Como eu já disse também já errei ( e continuo errando)
Sabe "Andança" da Maria Bethânia? Passei 17 anos da minha vida jurando que a letra certa era essa:
"Verso cantado eu sei, meu namorado é gay
Cansei de ser sozinhooo, andei!" 
Versão correta:
"Verso encantado usei, meu namorado é rei
Nas lendas do caminho onde andei"
Pra mim sempre fez mais sentido alguém que o namorado é gay ser sozinha, tá?
Agora, quem nunca cantou "Trocando de Bikíni sem parar" ao som de Jota Quest ou Claudio Zoli quando o certo era "
tocando B.B. King sem parar" ?
Lembra "Faroeste Caboclo"? Aquela música impossível de decorar do Legião?
Até onde o site vagalume sabe, a letra é:
"Deixou pra trás todo o marasmo da fazenda
Só pra sentir no seu sangue o ódio que Jesus lhe deu"
Segundo a versão que me apresentaram a letra certa é:
"Deixou pra trás o Matarazzo da fazenda..."Mano, o que os Matarazzo tem a ver com isso?

Agora, depois de ouvir "Biologia, eu quero uma pra viver" imagino o Cazuza se revirando no túmulo.
Não poderia faltar, é claro a versão da nossa amada Vanusa do nosso hino nacional:
"Gigante pela própria natureza, 
És belo, és forte, ÉS RISONHO... E LÍMPIDO 
SE EM TEU FORMOSO, RISONHO E LÍMPIDO... 
A IMAGEM DO CRUZEIRO... "

Me recuso a postar a letra certa do hino.
Já em "casa no campo", da Elis, ela diz mesmo:
"Onde eu possa plantar meus amigos
Meus discos e livros
E nada mais"
Portanto, você não está errando tanto assim.(Ou está?)

Se conhecem mais erros como esse, não se avexem!
Posto aqui no blog e coloco créditos se vocês assim quiserem.

Besos!

Consuelo.

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Pesquisa

Ah, a faculdade!
Maldito o pônei, digo, maldito o dia que desejei ter mais pessoas ocupando aquele fim de mundo. Eu pegava menos fila quando tínhamos menos turmas na manhã.
Lá onde eu estudo, é eu faço isso, o governo está oferecendo um limite de bolsas para desenvolver pesquisa científica. Daí eu me pego pensando que quase tudo começa com uma pesquisa.
Por exemplo, eu costumo pesquisar antes de sair falando as coisas por aí, os publicitários pesquisam antes de lançar uma campanha ou produto, você "pesquisa" para saber se aquele alguém está afim de você...
Assim, provavelmente esperam que desenvolvamos algo com a pesquisa científica. Mas como? Por quê?
Isso não costuma dar dinheiro, nem nome aqui no Brasil. Os antigos da área simplesmente preferem manter as ideias antigas e refutar qualquer ideia nova.
Eu digo o porque: Uma hora, as ideias antigas de nada valerão no mundo moderno. Aí, vão precisar de uma teoria com bases comprovadas, como a que você pode ter desenvolvido. Ou não.

Boa Noite!

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Pai Rico, Pai Pobre

Hoje eu decidi ver a quantas anda minha conta no Folhainvest.
A única ação minha que não está caindo é a da Ambev. Nem mesmo quando todos os preços estão em alta o galerê para de beber. Dá-lhe consumismo alcoólico.
Segundo o IBGE, a inflação passou de 0,47% a 0,15%, em uma conta rápida, desacelerou 0,32%. Porém coisas essenciais como transporte (busão, etanol e gasolina) subiu aproximadamente 6% , produtos farmacêuticos e gasto com telefonia celular também (uns 3,5% cada um).
Lindo não? Opções "fáceis" que temos para não perder (muito do) nosso rico dinheirinho:

  • Poupança: rendimento 0,5% ao mês.
  • Fazer pagamentos a vista para evitar os juros e conseguir descontos.
  • Aproveitar as ações que estão em queda para lucrar depois (não garanto)
  • Pagar suas dívidas (haiushasiuahsiuahsiu)
  • Eliminar gastos inúteis com doces ou aquela bolsa que você nunca vai usar.
Eu sei que não citei tudo que podemos fazer, mas já ajuda. Né não? 
Fonte:

Beijos!
Tamyres

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Pink

Pink

Miss Selfridge pink tee
£22 - missselfridge.com

Cargo shorts
$72 - maruione.jp

Chan Luu beaded jewelry
$420 - net-a-porter.com

Illamasqua Lipstick
$27 - asos.com

Capezio flat
£30 - dancinginthestreet.com

Hair accessory
£1.95 - chaoticclothing.co.uk

Umbra Mosh fuchsia frame
£20 - houseoffraser.co.uk

ikea AGNARYD
$7.99 - ikea.com

All You Need Is Love
£4.99 - johnlewis.com